1. Skip to Menu
  2. Skip to Content
  3. Skip to Footer>

E-mail

Animais Silvestres

 

 

 

 

Os ferrets são pequenos animais mamíferos, carnívoros, mas não roedores como muitas pessoas pensam. Em geral são curiosos, inteligentes e muito carinhosos, vivendo bem em espaços pequenos como apartamentos. Acostumam-se a passear usando coleiras e usam “banheiros” como os gatos, não fazendo muita sujeira pela casa. Não necessitam de muitos banhos, são como os gatos. O excesso de banhos pode ocasinar problemas dermatológicos, pela remoção excessiva dos óleos essenciais da pele, causando prurido (coceira) e dermatopatias. É aconselhável 1 banho mensal com produto específico para ferret, para uma higiene adequada da pelagem.

 

 

 

 

 

DADOS TÉCNICOS:


 

Peso: Aproximadamente 1 kg

 

Longevidade: De 6 a 10 anos

 

Tamanho: Cerca de 40 cm sem a cauda, sendo que a fêmea é menor, cerca de 30 cm..

 

 

Maturidade Sexual: Entre 4 a 8 meses de vida.

 

Diferença Sexual: As fêmeas têm um porte menor, possuem a cabeça e o focinho mais finos, delicados e pontudos. Os machos são ligeiramente maiores, possuem a cara mais larga e focinho arredondado. 

 

TAXONOMIA:

Classe: Mammalia

Cria: Em média de 6 a 9 filhotes.

Ordem: Carnívora

Gestação: Período de gestação é de 42 dias.

 

DIETA

Família: Mustelidae

 

Nível de Ruído: Baixo

Gênero: Mustela

Espécie: Mustela putorius furo

 

As informações contindas nesse guia não dispensam os cuidados veterinários!

 

 

 

 

DISTRIBUIÇÃO GEOGRAFICA:

 

O Ferret é resitente a doenças, mas muitas vezes elas podem aparecer devido a um manejo inadequado. Procure manter as instalações limpas, bem arejadas, a cama seca, e uma alimentação correta. Desta forma você ajudará a conservar a saúde do seu mascote. Evite que ele fique em local úmido e frio!

 

> Serragem para forração da bandeja

 

 

> Pedra Mineral

 

> Comedouro de cerâmica para alimentos

 

 

 

 

 

 

 

 

Seu parente selvagem encontra-se largamente distribuído pela América do Sul, sendo encontrados nos Andes, Argentina, Uruguai e Brasil.
Acredita-de que a espécie doméstica derive do selvagem Cavia aperea há muito tempo domesticado no Peru pelos antigos Incas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Um Ferret é um companheiro ideal para mim?

 

3 - Tenho tempo suficiente para me dedicar a ele?

 

 

 

 

 

1 - Eu tenho um local adequado para este animal?
4 - Os sons naturais deste animalzinho será aceito pela minha família e vizinhos?
Se você respondeu "Sim" a estas declarações, um Ferret é o companheiro ideal para você!
2 - Vou fornecer um ambiente seguro e confortável a ele?
Todos os direitos reservados a PLANET ZOO, vedado a reprodução total ou parcial dessas informações sem a expressa autorização dos seus idealizadores.
5 - Sou responsável e vou conseguir prestar cuidados básicos diários a ele?
CARACTERÍSTICAS:

Por mais que os ferrets sejam animais essencialmente carnívoros, não devem ser alimentados diretamente com carne, mas sim uma ração especializada que contenha todos os nutrientes necessários.

Evite mudar a alimentação de seu ferret radicalmente. Caso queira trocar a ração, faça isso gradativamente, misturando porcentagens crescentes da nova comida à antiga por um período de dez dias. É normal que o ferret tente “escolher” uma ou outra ração, mas ele acabará se acostumando.

Estes animais têm um trato digestivo muito curto, e, por isso, faz a digestão muito rapidamente e precisam se alimentar a cada três ou quatro horas. Assim eles devem ter comida e água disponível por todo o dia.

A ração mais indicada para ferret é a Marshall.

> Dificuldade na respiração  > Olhos lacremejantes ou opacos   > Diarréia
SINAIS DE ALERTA
> Visita ao veterinário semestralmente

> Perda de apetite e peso    > Secreção bucal ou nasal    > Chiado na respiração        

CUIDADOS DIÁRIOS

- Disponibilize sempre água mineral ou filtrada a fim de evitar contaminações. Esta deve ser trocada pelo menos 2 (duas) vezes ao dia, para que esteja sempre fresca, principalmente nos dias de calor.

- Deixar a ração a disposição, trocando sempre que umedecer. Lembrando que o Ferret precisa se alimentar a cada 3 horas. 

Cuidados: Não oferecer chocolate, enlatados, embutidos, alimentos condimentados e/ou picantes, alimentos ricos em açúcar (bolos, doces, biscoitos, balas açucaradas).

> Alfafa em bloco e em feno
> Bebedouro
PRODUTOS INDISPENSÁVEIS
 > Feridas ou crostas entre os dedos, orelhas e boca     > Queda de pêlo     
> Gaiola espaçosa e com bandeja alta
> Ração para Porquinho-da-Índia

Possuem um ótimo temperamento, muito sociáveis, não são agressivos e são de fácil manejo. Um bom companheiro para crianças, por serem dóceis.

Cores: Sable (marrom escuro), Light Sable (marrom claro), Albino, Silver (cinza), Light Silver (cinza claro), e Branco com olhos pretos. 
Vacinação: Cinomose e raiva (especiais para ferrets).

Os Ferrets são muito curiosos, e se enfiar em buracos é uma das atividades preferidas. Verifique, se não há lugares em sua casa que sirvam como rota de fuga ou que apresentem outros perigos (como encanamentos, máquinas, ralos, vaso sanitário, etc). Não possuem uma boa visão e, assim, não tem grande noção de altura. Então tome cuidado para que ele não tenha acesso de jeito nenhum a janelas abertas, mesmo por meio de sofás, cortinas ou outros móveis. Engrenagens de cadeiras de balanço ou poltronas reclináveis podem ser fatais para um ‘escondido’. Mantenha também o seu ferret longe da cozinha e área de serviço.